Christian Chávez é o convidado do The Noite nesta terça-feira - SBT World

ULTIMAS

10 de out de 2017

Christian Chávez é o convidado do The Noite nesta terça-feira


Nesta terça-feira, 10 de outubro, Danilo Gentili recebe Christian Chávez. Ele fala sobre sua vinda ao Brasil para alguns shows mais intimistas e mostra um pedaço de sua nova música “Tóxico”, dizendo que gosta muito de vir ao Brasil porque a cultura é muito parecida com a mexicana. “Para mim, vir para o Brasil é como vir para a casa da avó”, diz ele, que relembra também a época em que morou em São Paulo para gravar o programa “Esse Artista Sou Eu”. Christian comenta ainda um possível retorno do RBD: “A verdade é que é uma coisa muito especial na vida de cada um, mas agora não. Quem sabe.”. O convidado participa ainda do quadro de mímicas musicais “Quem Sabe Dança, Quem Não Sabe...”.
 
Confira outras frases da entrevista:
 
·         Estou malhando muito. Comecei por causa de um papel e também por saúde.
 
·         É uma coisa muito linda por ser mais íntima. As pessoas não vão só por causa da oportunidade de cantar canções do Rebelde, mas também é uma coisa de bater papo. (pocket shows)
 
·         "Tóxico" é uma música muito pessoal. Nessa eu limpei um pouco as coisas. Tem momentos na vida e situações que são tóxicas. Um namoro, relacionamento, bebidas, festas, drogas. E não te faz crescer, não faz bem.
 
·         Tem novas gerações que os pais assistiram Rebeldes e agora seus filhos assistem e escutam a música também. Tem meninas de seis, sete anos. É uma coisa muito linda. Rebelde seguirá no coração das pessoas.
 
·         Agora estou esperando o documentário. Que tem muitas horas de gravação das turnês que fizemos ao redor do mundo. (RBD)
 
·         A verdade é que eu acho que ajuda. É uma coisa maravilhosa que vai continuar sempre e faz parte da minha vida. (se ser lembrado como RBD ajuda ou atrapalha a carreira)
 
·         Estava na rua e foi muito forte porque as pessoas saíram dos prédios, gente gritando, desmaiando. Foi muito feio, mas a parte boa é que o mexicano acordou e se solidarizou. Você via as pessoas na rua ajudando. (sobre os terremotos no México)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Cuidado com o que você comenta,seus argumentos pode prejudicar nossa equipe e você próprio.

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial