SBT faz Coletiva de Imprensa para apresentar 'Cúmplices de um Resgate'; confira detalhes!



Aconteceu ontem na sede do SBT, em Osasco, a coletiva de imprensa da nova telenovela do SBT, Cúmplices de Um Resgate, com a presença de mais de 100 jornalistas. O evento contou com a presença completa do elenco da trama, além da autora Iris Abravanel, do diretor-geral Reynaldo Boury, da direção da emissora e da produção da novela. 
 O SBT World esteve presente e para ver o álbum de fotos que fizemos da coletiva clique aqui. Em breve vamos disponibilizar a matéria em vídeo. Aguarde!
                                         
Conhecer alguém igual a você pode ser uma aventura intensa e recheada de diversão, é no que aposta a nova novela do SBTCúmplices de Um Resgate, adaptação da autora Iris Abravanel, com direção-geral de Reynaldo Boury. A trama continuará o bem sucedido trabalho de unir a família brasileira com a estreia que acontece na segunda-feira, 03 de agosto, às 20h30, logo após as últimas emoções de Chiquititas, no SBT.

O nosso público é sempre a família e essa novela possui histórias e conflitos que irão envolver os telespectadores de todas as idades”, explica a autora Iris Abravanel, que ainda revela: “Cúmplices de Um Resgate foi uma novela escolhida para que a atriz Larissa Manoela fosse a protagonista”

A novela se inicia quando Dóris (Duda Wendling) entra em uma biblioteca e ao abrir um livro mágico é transportada para um reino distante no tempo. Esse antigo livro narra a história do nascimento de Manuela (Larissa Manoela) e Isabela (Larissa Manoela). A camponesa Rebeca (Juliana Baroni) não sabe que deu à luz gêmeas e é levada a acreditar que apenas Manuela é sua filha. Enquanto isso, a mando da rainha má, Regina (Maria Pinna), o outro bebê recém-nascido, Isabela, é afastado da verdadeira mãe e criado como se fosse filha de Regina e do rei Orlando (Alexandre Barros) Passado alguns anos, Rebeca, que jamais descobriu ser mãe de gêmeas, conhece sua grande paixão, o duque Otávio (Duda Nagle). Após o conto, Dóris  deixa a biblioteca e a história passa a ser contada nos dias atuais.  

Isabela, que não sabe que possui uma irmã gêmea, se tornou uma garota rica e mimada que vive na cidade grande ao lado dos pais, Orlando e Regina. A garota, que sonha em ser uma estrela da música - embora seja muito desafinada -, insiste com frequência para que o pai convença o tio, Geraldo (Nando Pradho), diretor da gravadora Do-Ré-Music, a colocá-la como vocalista da banda Cúmplices de Um Resgate (C1R), que será lançada com músicas pop-teen. Fazem parte da banda o baixista André (Renato Cavalcanti), a baterista Julia (Bia Jordão), o guitarrista Joaquim (João Guilherme) e o percussionista Felipe (Kevin Vechiatto).

Manuela, por sua vez, vive feliz no Vilarejo dos Sonhos ao lado da mãe, Rebeca, da avó, Dona Nina (Mira Haar), e da tia, Helena (Thays Gorga). A garota não conhece e nem desconfia que Isabela seja sua irmã gêmea. Dóris, Téo (Fhelipe Gomes) e Mateus (Lipe Volpato) são alguns de seus amigos. Ao lado deles, do veterinário Pedro (Elam Lima) e de Helena, formam a banda de sertanejo colegial,Manuela e Seus Amigos”.

Rebeca conhece Otávio, presidente do grupo On-Enterprise, quando ele está prestes a fechar a confecção do Vilarejo dos Sonhos, onde ela trabalha. Porém, para a surpresa de Rebeca, o empresário se apaixona por ela. Mas, para ficarem juntos, o casal terá que lidar com muitos desafios, entre eles, a ex-namorada de Otávio, Safira (Dani Moreno), que fará de tudo para que eles não se aproximem.

Também vivem no vilarejo os imigrantes italianos Giuseppe (Vicentini Gomez) e Fiorina (Bárbara Bruno), que são os pais do veterinário Pedro e de Téo, que foi adotado. Giuseppe é dono de uma sapataria onde também trabalha Nico (Giovanni Venturini), seu assistente anão. É na sapataria onde os moradores se reúnem para falar sobre o Vilarejo e é nessas reuniões que o Padre Lutero (Edson Montenegro) e o Pastor Augusto (Augusto Garcia) costumam divergir de opinião. Sempre que isso ocorre, Dona Nina e Fiorina tomam partido de seus respectivos líderes religiosos, o que ocasiona divertidas confusões.

Entre outros núcleos e acontecimentos, a cuidadosa babá de Isabela, Marina (Tânia Bondezan), convida a garota para ir até um festival musical, onde se apresentará seu namorado, Ofélio (João Camargo). É nesse evento que acontece o inesperado e envolvente reencontro entre Isabela e Manuela.

As gêmeas, que não sabem que são irmãs, ficam frente a frente em outro momento e se impressionam por serem tão parecidas. Isabela percebe que pode tirar algum tipo de vantagem da descoberta para realizar seus sonhos e sugere para Manuela que troquem de lugar sempre que for preciso. A partir deste momento começa uma divertida aventura onde as garotas se tornam cúmplices, começam a trocar de lugar com frequência e descobrem mundos diferentes da realidade que estão acostumadas.

A novela Cúmplices de Um Resgate está recheada de novidades, conta com   maior número de atores adultos e continua com a leveza característica das tramas das 20h30 do SBT.

“Nossa expectativa é que o público do SBT sinta que faz parte dessa grande família. Nosso desejo é que os telespectadores sintam ter deixado os problemas do lado de fora, para poderem usufruir de momentos lúdicos e de bom entretenimento. Cúmplices de Um Resgate é uma novela divertida, romântica e com muito suspense”, garante Iris Abravanel.

Para transmitir ao público os conflitos da trama, a autora equilibra questões intensas com um universo mais lúdico.

“Cúmplices possui um elenco mais adulto e aborda temas um pouco mais delicados do que as tramas anteriores. Mas tomamos o cuidado de manter a leveza da novela, expondo esses dramas sem agredir a ninguém e sempre mantendo o bom humor. Outra medida tomada para equilibrar a parte infantil da novela, foi crescer as tramas desses núcleos”, esclarece Iris Abravanel.

Para o bem-estar do elenco mirim, as crianças gravam no máximo seis horas por dia e para qualificar o desenvolvimento desses novos profissionais, o SBTdisponibiliza uma equipe especializada para acompanhar o dia a dia delas. Pedagoga (Carolina Benvindo), fonoaudióloga (Camila Mercatelli), psicóloga (Rosa Nacaratto), preparador de elenco (Ariel Moshe), professora de canto e instrumentos musicais (Maria Diniz) e pediatra (Camila Marquezini) estabelecem um diálogo diário com o elenco e também com os pais dos atores mirins. “Nos ocupamos com a formação dos aspectos profissionais, que vão desde as questões emocionais e éticas até o comportamento em grupo, gerenciamento de conflitos e de companheirismo. Buscamos, acima de tudo, formar melhores profissionais de televisão”, explica a diretora de elenco da trama, Marcia Italo. A autora Iris Abravanel reforça: “Somos muito zelosos em preparar nosso elenco infantil. Minhas recomendações são para que cada criança seja preparada para a vida, não apenas para a novela”.

Outro diferencial da novela é a presença de animais fixos no elenco, são eles: o cão Manteiguinha (raça Golden Retriever), o rato Tuntum (raça Twister), a peixe Beijoca (raça Qingio) e o gato Bartolomeu (raça Maine Coon). “É uma delícia escrever as cenas dos bichinhos. Eu e a minha equipe nos divertimos muito. Eles trazem um ar lúdico para a trama”, conta a autora Iris Abravanel. O diretor-geral da trama, Reynaldo Boury, conta como é realizar essas cenas: “Este é o nosso grande desafio. Vamos ter cachorro, gato, rato e peixe. Todos interagindo entre eles e com os personagens”.

Para o desenvolvimento da criação visual de Cúmplices de Um Resgate, mais de 20 profissionais trabalharam na concepção dos projetos que atendem aos conceitos da trama aplicados no pacote gráfico, na abertura, chamadas de lançamento e no logo da telenovela. “O resultado do trabalho de criação visual da novela transporta o telespectador para um universo lúdico e ajuda a tornar a história ainda mais envolvente”, conta Fabricio Cottini, gerente de Criação Visual. Dentro desses resultados que serão apresentadas ao público, está a criação de emoticonspara ilustrar o pensamento e os sentimentos dos animais (Manteiguinha, Tuntum, Beijoca e Bartolomeu) da história. São 88 emoticons diferentes no pacote básico. Já na abertura da novela, atores interagem em meio a cenários criados em computação gráfica e 3D. Para as passagens de tempo e de algumas cenas da novela, a equipe de criação visual do SBT apresenta uma linguagem com ícones de tablets esmartphones, onde um toque permite regular a imagem, mudar uma foto ou tirar uma fotografia. E mais, na elaboração das primeiras cenas da novela, que retrata a história mais lúdica, filmada em 4K, além das imagens em 3D, foi preciso um trabalho de pós-produção de aproximadamente dois meses.  

A trama também apresenta algumas cenas e videoclipes filmados com umatecnologia inédita na teledramaturgia do SBT, o 4K, que traz para a trama uma qualidade de cinema. “Usaremos essa tecnologia nas cenas lúdicas do início da novela”, conta Elvio Guedes, diretor de fotografia da teledramaturgia da emissora. O 4K é uma tecnologia que apresenta uma combinação de fatores, sensação de imersão, com alta resolução, realismo e amplo espaço de cores, que faz com que as imagens sejam fiéis à realidade, com maior impacto visual e sensorial. “Essa tecnologia representa o futuro da televisão, que é a qualidade do cinema na TV. O 4K é como se fosse o olho humano e, mesmo aqueles que não possuem um televisor com essa tecnologia, perceberão a diferença da imagem que foi captada”, garante Elvio.

A direção musical de Cúmplices de Um Resgate é assinada por Arnaldo Saccomani e Laércio Ferreira, que prepararam uma mescla de versões de musicas da trilha mexicana, com algumas canções inéditas, que foram compostas especialmente para a novela, além de algumas regravações. “Um desafio dessa novela é caminhar entre o Pop (da banda “C1R”) e o Sertanejo (da banda “Manuela e Seus Amigos”), tendo como interprete a mesma atriz, Larissa Manoela, que atua em dois papeis”, revela Laércio.

Cúmplices de Um Resgate apresenta ainda mais coreografias, músicas e videoclipes do que as tramas antecessoras, o que promete encantar os telespectadores. Na história, existem duas bandas, uma da Manuela, que traz um estilo sertanejo colegial com adultos e crianças em sua formação, e outra de Isabela, que leva o mesmo nome da novela e é formada apenas por crianças. Ricardo Mantoanelli, um dos diretores da novela, adianta: “Como um dos principais assuntos da novela é a formação da banda ‘Cúmplices de Um Resgate’, ou ‘C1R’, temos muitas cenas que se passam na gravadora Do-Ré-Music. O público vai acompanhar os ensaios, a escolha da vocalista e o debate sobre o nome do grupo. Com certeza, quando houver show de qualquer uma das bandas, vai haver muita coreografia”.

Para o coreografo Eudóxio Junior, que assina as coreografias de Cúmplices de Um Resgate, foi um trabalho prazeroso fazer a preparação das crianças: “É um grande desafio tanto para as crianças quanto para mim. Estamos fazendo um trabalho intenso e em pouco tempo elas já adquiriram uma boa consciência corporal e uma boa assimilação das coreografias. As crianças estão se saindo muito bem”,finaliza.

As questões ligadas ao universo tecnológico também serão inclusas na novela, mas com a preocupação de mostrar que existem alternativas de atividades fora da rede mundial de computadores para que os jovens também possam se divertir.

“Adaptamos boa parte das situações usando recursos tecnológicos atuais. Não dá para ignorar que a tecnologia faz parte da vida dos jovens hoje. Celulares, tablets e computadores serão utilizados no decorrer da novela, mas sem que nos esqueçamos de nossa marca, que é provocar situações para que as crianças criem brincadeiras próprias e divertidas”, conta Iris Abravanel.

As cenas de Cúmplices de Um Resgate são gravadas nos estúdios 7 e 8, também na cidade cenográfica do CDT Anhanguera e em locações externas. “A novela terá diversas cenas gravadas ao ar livre em paisagens de tirar o fôlego. A cidade cenográfica também foi toda reformulada para a nova trama e ficou linda. Também estamos estudando a possibilidade de gravarmos em outros estados”, adianta a autora.

A construção de toda parte cenográfica da novela, que envolveu dezenas de profissionais, é inspirada no movimento artístico do Expressionismo Alemão.“Começamos discutindo sobre o que é ser gêmeo e então surgiram vários termos, como: igual, indivisível, simetria, complementares, diferentes e dois. A partir daí, nós associamos essas ideias a ótica da arte. Essas noções nos levaram aos conceitos encontrados dentro de trabalhos presentes no Expressionismo Alemão”, conta a diretora de arte do SBT, Paula Utimura. Cúmplices de Um Resgate traz formas poligonais nos cenários, com trabalho de simetria e dualidade nos objetos e na arte gráfica. As cores complementares também são fortes pelos ambientes da trama, assim como traços de linhas pretas e da paleta de cores terciaria, que é um diferencial.

As diretoras de figurino, Cristiane Cândido e Jeane Figueiredo, contam que buscaram referências para elaboração do figurino em séries e filmes do universo infanto-juvenil, além da observação das atitudes e preferencias das crianças e adolescentes, seja na rua e ou na escola. “Cada personagem foi construído em cima do perfil psicológico escrito pela autora”, conta Cristiane. Jeane complementa: “São figurinos atuais que retratam o universo infanto-juvenil com o objetivo de caracterizar e criar vínculos com os personagens e suas ações na trama”. Diferentemente de Carrossel e Chiquititas, onde uniformes eram predominantes, em Cúmplices de Um Resgate o estilo pessoal de cada personagem é o diferencial, embora ainda existam uniformes na nova trama, como quando as crianças vão para a escola. “Cada personagem possui seus acessórios específicos, que imprimem a personalidade de cada um”, explica Cristiane. Sobre as características aplicadas nos figurinos de cada núcleo da novela, Jeane finaliza: “Dividimos os principais núcleos por cores. O núcleo do Vilarejo é mais solar e com aparência mais natural, já o núcleo da cidade é mais frio, porém não menos colorido”.

Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário

Cuidado com o que você comenta,seus argumentos pode prejudicar nossa equipe e você próprio.