POPSTAR - 13 de dezembro de 2013 – o dia em que Beyoncé parou a Internet e mudou a história da Musica



Sexta feira, 13 de dezembro de 2013. Esse dia vai ficar marcado na carreira da cantora Beyoncé. Foi quando ela surpreendeu o mundo inteiro com um álbum digital de 14 músicas e 17 clipes inéditos, colocado à venda sem qualquer anúncio prévio no iTunes. Não era como se ninguém esperasse por isso. Pelo contrário, seus fãs estavam cansados de esperar por um disco novo! Mas ninguém imaginava que ele viria agora… “Não queria lançar meu som da mesma maneira que fiz antes. Estou cansada disso. Sentia vontade e capacidade de falar diretamente aos meus fãs”, Beyoncé explicou a estratégia. “Desejava que ninguém transmitisse a mensagem sobre quando o meu álbum seria lançado. Quero apenas que seu lançamento ocorra quando estiver pronto e venha de mim para os meus fãs”.
beyonce-photo
A americana não apenas dispensou a praxe de um single prévio; uma campanha de marketing bem trabalhada; execuções nas rádios; performances em programas de TV; e entrevistas para a imprensa. Beyoncé evitou tudo isso. Para que seu plano desse certo, ela precisava manter tudo em segredo – até a sexta-feira, 13. Sua equipe trabalhou com diversos códigos e, na gravadora, o projeto foi tratado com o nome fantasia de “Lily”, para despistar os ávidos por vazamentos. Até o fim de novembro, Beyoncé estava trabalhando nos vocais e, só depois, os produtores foram notificados que poderiam dar seus toques finais. O plano, desde o início, era mexer com as estruturas da indústria lançando tudo de uma vez, sem aviso prévio. “Hoje em dia é tudo sobre o single, sobre o hype”, critica a cantora. “Sinto falta de experiências imersivas. Agora as pessoas só ouvem alguns segundos de uma música nos seus iPods, realmente não investem em um álbum inteiro”.
A estratégia de chocar o público com um lançamento repentino – e causar buzz justamente por essa razão – não é nova, no entanto. Em março, David Bowie fez algo parecido quando lançou seu primeiro single inédito em dez anos, anunciando seu retorno. Só que, no caso dele, era apenas uma música, avisando que o álbum estava chegando. Não eram 14 faixas de uma vez. E não vinham com 17 clipes. “Acho que isso [os vídeos] é a parte mais impressionante”, observou o diretor editorial da Billboard, Bill Werde. De qualquer forma, não é qualquer artista que conseguiria despertar tamanho interesse por seu trabalho novo. “Vocês podem falar sobre método de entrega/estratégia, tudo o que quiserem, mas no fim é a qualidade a maior tecnologia”, elogiou o cantor John Mayer.
beyonce-photo2
O fato é: deu certo. Beyoncé foi, de longe, o assunto mais discutido das redes sociais na sexta – embora não faltassem outros cantores tentando chamar a atenção. E não ficou só no burburinho. “Beyoncé”, o disco, se tornou nº1 no iTunes em mais de 90 países, e vendeu 80 mil cópias em apenas três horas só nos EUA. A expectativa é que o álbum estreie no topo da parada americana na semana que vem. Isso, indiscutivelmente, apoiado apenas na força do nome da popstar.
O tão aguardado disco, que todos acreditavam que só sairia em 2014, foi a melhor forma da Beyoncé encerrar um ano brilhante. Teve show no intervalo do Super Bowl, turnê mundial com arrecadação de mais de US$ 104 milhões, documentário na HBO, e… a palavra final. A cantora, sem dúvidas, deu a palavra final do ano. Para quem reclamava da mesmice da música pop, está aí uma reinvenção.
Veja como foi o passo a passo do lançamento:
00:01 – Começa a sexta-feira, 13, sem grandes expectativas no universo da música pop.

03:00 – Dispensando qualquer divulgação prévia, Beyoncé coloca seu quinto álbum de estúdio à venda exclusivamente no iTunes. O disco digital conta com 14 músicas e 17 clipes. Tudo inédito.
03:10  Prévias de todos os clipes são postados no canal oficial da cantora no Youtube.
04:00 – Notícias sobre o lançamento e as prévias dos 17 clipes rapidamente se tornam as mais acessadas do POPLine.
04:15  Novidade faz Demi Lovato surtar no Twitter, com várias mensagens em caps lock e vogais esticadas. “Estou literalmente SURTANDO com esse novo ‘Beyoncé’. E os vídeos? EU NÃO CONSIGO AGUENTAR TANTA FEROCIDADE… #SEMBRINCADEIRA #MORRENDO”.
05:00 – Bill Werde, diretor editorial da Billboard, dá seu parecer sobre o álbum: “Honestamente, eu me sinto mal pelas outras garotas do pop”.
06:00  Vendas nos EUA alcançam marca de 80 mil cópias.
06:15 – Daily Mail afirma que iTunes ficou temporariamente fora do ar devido ao grande número de acessos simultâneos.
07:08 – Demi Lovato acorda e continua: “Feliz dia da Beyoncé”.
08:58 – Katy Perry avisa no Twitter: “Não falem comigo hoje a menos que seja sobre Beyoncé. Obrigada”.
12:25 – Lady Gaga se manifesta sobre lançamento surpresa: “Bem vinda de volta Honey B. Sentimos sua falta! 13:00 – Álbum surpresa da Beyoncé se torna nº1 no iTunes em 22 países.
14:14 – Billboard afirma que álbum tem grandes chances de estrear no topo da parada americana na semana que vem.
15:00  Beyoncé o assunto mais comentado do Twitter, com mais de 1,2 milhão de citações em tweets.
15:05 – “Beyoncé” se torna nº1 no iTunes em 57 países.
15:40 – Clipe de “Blue” conquista os brasileiros, por ser inteiramente gravado no Brasil.
15:54  Álbum se torna nº1 no iTunes em 75 países.
17:25 – P!nk, eleita a Mulher do Ano pela Billboard, twitta: “Beyoncé ganha meu voto para Mulher do Ano”.
19:00 – John Mayer declara: “Vocês podem falar sobre método de entrega/estratégia, tudo o que queiram, mas no fim é a qualidade a maior tecnologia. E isso está transbordando tecnologia”.
19:30 – “Beyoncé” é nº1 no iTunes em 91 países.
22:18 – Billboard revela os dois primeiros singles que serão trabalhados nos EUA: “Blow” e “Drunk In Love” (feat. Jay Z).
22:30 – Dados prévios da Billboard confirmam estreia da Beyoncé no topo da parada americana, que será atualizada na quarta (18/12).
23:59 – Muitos ainda estão de boca aberta.

Informações do POPline
Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário

Cuidado com o que você comenta,seus argumentos pode prejudicar nossa equipe e você próprio.