"Morro de medo da morte", diz Oscar Schmidt no De Frente com Gabi


No "De Frente Com Gabi" deste domingo, 11 de agosto, Marília Gabriela recebe Oscar Schmidt, um dos maiores jogadores de basquete da história e ídolo do esporte brasileiro. Aos 55 anos e sempre com dois metros e cinco centímetros de altura, ele vem ao programa para falar sobre sua atual luta contra o câncer, sua história de vida e curiosidades de sua carreira. 
Confira abaixo as melhores frases da entrevista: 

· Eu morro de medo da morte, por isso é que eu vou sobreviver a esse tumor.
· O que eu tenho não vai sumir, mas vou conviver com ele. (sobre o tumor)
· Eu tinha um sintoma: quando eu gritava demais, doía a cabeça. (sobre o câncer)
· É difícil, você fica cansado, de mau humor. (sobre a quimioterapia)
· Comecei a jogar aos 13 anos e era muito ruim. (sobre basquete)
· Fui eleito por unanimidade. Nem acredito que vou estar lá em setembro. (sobre ganhar um lugar no Hall da Fama do basquete nos Estados Unidos)
· Além de treinar duas vezes por dia eu treinava mil cestas por dia. (quando era jogador)
· O basquete, hoje, está no caminho certo. (sobre a Seleção Brasileira)
· Hoje faço palestras sobre obstinação, paixão, desafios e liderança. Escrevi eu mesmo todas elas.
· Fui e serei homem de uma mulher só.
· Não acredito em sorte. Talento é você quem faz.
· Tive muito mais reconhecimento do que merecia.

DE FRENTE COM GABI
Neste domingo, à meia-noite
Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário

Cuidado com o que você comenta,seus argumentos pode prejudicar nossa equipe e você próprio.