Atriz de Chiquititas, Julia Olliver diz: "Me sinto uma mãe ao cuidar da Pata de Chiquititas"



Carrossel já tem substituta que promete fazer tanto sucesso quanto a novela de Cirilo, Maria Joaquina e companhia. A novidade é Chiquititas, que deve chegar à TV no início de julho. Trará as aventuras, tristezas e alegrias da turma de um orfanato. A trama é adaptação da atração que conquistou o público nos anos 1990, quando foi exibida pelo SBT.

Com muita diversão, travessuras e temas sérios, a versão de Chiquititas é feita pela autora Íris Abravanel (mulher de Silvio Santos), também responsável por Carrossel.

Para a maioria dos atores mirins esta será a primeira participação em novela. "Ensinamos como se preparar, decorar texto e a rotina de gravação. Eles nos surpreenderam", afirma o preparador de elenco Ariel Moshe.

Após sete testes, a novata Giovanna Grigio, 15 anos, conquistou o papel da protagonista Mili. Moradora de Mauá, ela sabe da responsabilidade. "Fiquei muito feliz depois de tanto esforço. Quero ser tão boa quanto a Fernanda Souza (que fez a personagem nos anos 1990). Não gosto de comparações, por isso, tentei fazer a minha Mili. Assim como ela, sou muito sonhadora", diz a garota, que já fez publicidade e participações em programas de TV.

Giovanna e o elenco tiveram aulas de interpretação, canto e dança. "Foi importante para construir o papel. Tem sido muito bom trabalhar", diz a menina, que deseja fazer faculdade de cinema no futuro.

Para Julia Olliver, 10, que será Pata, é realização de um sonho. "Sempre quis ser atriz. Fiz teste para Carrossel e não passei. Agora, me sinto uma mãe ao cuidar da Pata."

Já Giulia Garcia, 9, fez questão de não assistir à novela antiga para criar sua própria versão da personagem Ana. "Quis fazer do jeito que imagino. Será uma menina medrosa e sapeca. Estou ansiosa para ver a reação do público." Então, é esperar para conferir o resultado do trabalho dessa turma!

Saiba mais - A atriz Gabriella Saraivah, 8 anos, será Tati, a caçula do orfanato e irmã de Vivi. O último trabalho da menina foi a personagem Miluce, que vivia no lixão da novela Avenida Brasil, da Globo.

O ator Guilherme Boury interpretará Junior, filho do dono do orfanato, que irá se apaixonar por Carolina. Ele contou que é bem diferente gravar com tantas crianças e garante aprender muito com o elenco mirim.

Em vez de cinco temporadas, como na versão antiga, a adaptação terá duas partes. Ao todo serão 35 crianças e adolescentes que vão aparecer ao longo dos cerca de 300 capítulos, que estão sendo gravados desde 25 de fevereiro.

Os nomes dos personagens serão os mesmos da história original, mas o diretor-geral Reynaldo Boury adiantou que haverá algumas mudanças e novidades na trama, assim como ocorre em toda adaptação.
 
Inspirado em novela argentina - A novela Chiquititas original foi produzida na Argentina, em 1995. Fez tanto sucesso que virou peça de teatro e ganhou versões em vários países, como México, Portugal, Romênia e Brasil. A adaptação brasileira estreou em 1997, no SBT, que fez parceria com a rede Telefe (emissora argentina) para produzir cinco temporadas da atração.

A história se manteve fiel à original. Mostrava a rotina do orfanato Raio de Luz, em que os moradores aprontavam muitas travessuras. A turma não gostava da diretora, mas a chegada de Carolina, responsável por botar ordem no lugar, transformou a vida de todos. Aos poucos, começaram a formar uma grande família.

As gravações da versão brasileira ocorreram em Buenos Aires, na Argentina, com atores daqui, que precisaram se mudar para a cidade. O elenco infantil, formado por 13 crianças (na primeira temporada), teve de se adaptar à nova vida. Foi necessário aprender espanhol, ficar longe de parentes e amigos e também dividir o tempo entre a escola e a novela. Na época, Fernanda Souza (que interpretou Mili) disse que não teve dificuldades na escola, mas ficou com saudades do feijão brasileiro. Chiquititas foi fenômeno no Brasil. As músicas da novela foram reunidas em CDs, que venderam milhares de cópias.
 
Fonte: Diário do Grande ABC
Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário

Cuidado com o que você comenta,seus argumentos pode prejudicar nossa equipe e você próprio.